Auxílio-doençaDireito Previdenciário

INSS dispensa perícia presencial para auxílio-doença durante Covid-19

Desde o mês passado, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) anunciou que os benefícios por incapacidade, como o auxílio-doença, serão liberados por meios digitais, sem a necessidade de perícia médica presencial, durante a pandemia do novo Coronavírus. Da mesma forma, a análise dos pedidos de aposentadoria, pensão por morte, salário-maternidade, entre outros benefícios, também está sendo realizada de forma virtual. O objetivo é evitar aglomerações nas agências e, dessa forma, reduzir as chances de contágio, segundo o instituto.

Os segurados do INSS podem enviar o atestado médico diretamente pelo Meu INSS pelo computador (gov.br/meuinss) ou pelo aplicativo para celulares (disponível para Android e iOS) para ser avaliado pela perícia. A Portaria Conjunta 9.381, que permite o início do procedimento, foi publicada no último dia 7, no Diário Oficial da União.

Confira o passo a passo de como anexar o atestado médico pelo Meu INSS, aqui.

Leia também!

FGTS: Governo autoriza saque de até R$1.045 por trabalhador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *