Direito do Trabalho

Auxílio Emergencial negado pode ser contestado na Defensoria Pública da União

Auxílio Emergencial negado

A partir da próxima segunda-feira (22), a Defensoria Pública da União auxiliará os brasileiros que tiveram o Auxílio Emergencial negado a contestar o resultado, desde que sejam apresentados os documentos que comprovem o merecimento do recebimento do benefício.

A ação é resultado de um acordo de cooperação técnica entre o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, e o defensor público-geral federal, Gabriel Faria Oliveira, assinado na última terça-feira (16).

O acordo permite que a Defensoria Pública da União, que está em todos os estados, possa dar essa assistência gratuita, ao cidadão. “O cidadão vai buscar o seu direito e, caso esteja dentro do que a lei determina, receberá o auxílio”, explica Onyx Lorenzoni. Consulte aqui o telefone da Defensoria Pública em seu município

Leia mais!

Consultora de beleza recebe danos morais por ser obrigada a mudar visual dos cabelos alisados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *