17 de janeiro de 2020

Funcionários do Dataprev participarão da força-tarefa do INSS

Ao todo, 49 funcionários da Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev) participarão da força-tarefa do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que tenta diminuir a fila de pedidos de benefícios. O governo publicou no “Diário Oficial da União” desta quinta-feira (16) uma autorização para que os funcionários do Dataprev sejam cedidos.

A estimativa é que o volume de quase dois milhões de pedidos que aguardam uma resposta do INSS para aposentadorias e outros benefícios, como salário-maternidade e auxílio-doença, seja resolvido até setembro.

No último dia 14, o secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, anunciou que o governo vai acionar ainda 7 mil militares da reserva para reforçar o atendimento no INSS. No entanto, o convite aos militares ainda precisa ser oficializado por meio de decreto do presidente Jair Bolsonaro. Hoje, 7.820 servidores do INSS fazem a análise de documentos para a concessão de benefícios.

 

Fonte: G1

Um comentário sobre “Funcionários do Dataprev participarão da força-tarefa do INSS”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.